Del. Anselmo Cruz nega aumento da violência

Educação e Cidadania News de 23.07.2010 – 2º Bloco.

Para o diretor de Polícia da GRD Florianópolis, Anselmo Cruz, apesar do site do TJ indicar que a violência doméstica e familiar contra a mulher cresceu 136 por cento nos últimos 18 meses (em 2009), dados retirados do número de ações que tramitam nas 11 comarcas de Santa Catarina, nossos índices ainda são os melhores em relação a outras regiões brasileiras.

O que mais chamou a atenção na entrevista do delegado Anselmo Cruz, foi o fato dele reconhecer que a polícia catarinense não tem condições de trabalhar na prevenção de crimes familiares ou contra mulheres especificamente. Nestas situações, recomenda o delegado, é preciso que as mulheres registrem boletins de ocorrência, tantos quantos forem necessários. Até que a autoridade policial se dê conta da gravidade do problema e determine uma prisão preventiva do agressor, se a vítima no caso, supomos, ainda estiver viva.

Comments are closed.