Programa de 27.07.2010 – 1º Bloco

Educação e Cidadania News de 27.07.2010 – 1º Bloco.

1 comment to Programa de 27.07.2010 – 1º Bloco

  1. Domitila Belém
    julho 30th, 2010 at 10:47

    O PROJETO DA LEI DOMITILA BELÉM está no site http://www.jurisway.com.br e pode ser verificado por todos através do link:

    LEI DOMITILA BELÉM

    Proposta de Lei

    Esta lei destina-se a apoiar financeiramente, com um benefício no valor de 40% do salário minimo, pago mensalmente, sempre reajustado conjuntamente, à mesma época, do reajuste do salário minimo , o universitário, baixa renda, que cursa a universidade pública desde que observado os seguintes itens:

    a) Tendo sido aluno da escola pública durante todo o ensino médio regular ou supletivo EJA;
    b) Não seja filho,pai,mãe ou conjuge de pessoa que ocupe cargo eletivo;
    c) Só ocupar emprego de cargo público através de concurso público, e que a sua remuneração alcance de 1 a 3 salários mínimos, compondo também , para valor bruto da sua remuneração, as gratificações especiais, assim como as previstas na CLT,caso o mesmo as receba;
    d) Tendo sido candidato aprovado em vestibular ou ENEM para vaga de qualquer curso oferecido pela Universidade Pública,tendo o candidato optado pela ampla concorrência ou vaga de cotista, em cursos presenciais ou à distância.
    e) Não tenha praticado ato ilícito que tenha culminado em sentença já julgada que o considerou culpado;
    f) Esteja em dia com as suas obrigações eleitorais;
    g) Se do sexo masculino esteja em dia com as suas obrigações civis e militares;
    h) Ser brasileiro nato ou naturalizado há mais de 10 anos e residente na República Federativa do Brasi por no minimo 10 anos ininterruptos.
    l) For desempregado, autônomo,aposentado, desde que sua renda não ultrapasse 3 salários minimos.
    m) O Universitário que, além dos requisitos já mencionados nesta lei, seja membro ou titular do benefício BOLSA FAMÍLIA,aposentado,ou pensionista, não perderá o benefício que já possui se ao SOMENTE após somar o benefício regido por esta lei a renda do universitário ultrapassar os 3 salários minimos.

    A perda do Benefício ocorrerá quando:

    a) O universitário fechar a sua matrícula por um período superior a 6 meses desde que por motivo que não seja doença pessoal ou de dependentes, pais, filhos ou conjuges,por motivo de acidente, ou catástrofe que deixou sequelas físicas ou mentais, e comprovadas por laudo do médico responsável pelo tratamento e reaabilitação da pessoa a que esta lei se refere;
    b) O universitário for reprovado em dois períodos consecutivos;
    c) O universitário cometer ato ilícito que durante o seu tempo de curso seja julgado como culpado:
    d) O universitário,ou qualquer dos seus pais, for eleito para cargo eletivo;
    e) O Universitário consiga emprego ou promoção que aumente a sua renda de maneira que seja superior a 3 salários minimos;
    f) O universitário faça uso do Benefício para o uso de bebidas alcoolicas, fumo, drogas, ou ainda para a estadia em hotéis, acompanhado por pessoa que trabalha no ramo da prostituição;
    g) Usar de fraude, posteriormente confirmada, para obter este benefício , o que além do ressarcimento corrigido da quantia já recebida o universitário responderá pelos crimes de danos aos cofres públicos e à sociedade.
    h) Conclusão do curso universitário,informado pela instituição de ensino.
    g) Morte do beneficiado

    PAGAMENTO E USO DO BENFÍCIO UNIVERSITÁRIO BAIXA RENDA

    O benefício será depositado mensalmente, inclusive no período das férias ou greves universitárias, em conta universitária do beneficiado,conta aberta no BANCO DO BRASIL ou CAIXA ECONÔMICA, e poderá ser usado como pagamento,em espécie ou como cartão de crédito, com limite anual, na obtenção de materiais, serviços ou produtos do tipo:

    a) Computadores e itens de informática
    b) Livros, CD’s, DVD’s de conteúdo educacional;
    c) Vestuário
    d) Calçados
    e) Aparelho Celular e créditos para telefone celular
    f) Alimentação
    g) passagens aéreas e terrestres
    h) material de higiene pessoal
    i) Estadia em hotéis, pousada ou pensões
    j)tratamentos de saúde e Medicamentos
    l) óculos
    m) empréstimos
    n) Qualquer material que tenha relação ao curso em que o beneficiado está matriculado.

    Parágrafo único: O universitário que fizer transferência voluntária para outro curso universitário da rede pública em qualquer univeridade do país e obtiver classificação à vaga concorrida , nao perderá o benefício regido por esta lei.

    Justificação / Exposição de Motivos:

    Proposta
    Comentários
    Voltar ao Eu Legislador

    indique está página Indique aos amigos

    Os universitários de baixa renda necessitam do apoio do estado, pois a Educação é um direito fundamental, e um direito de todos, mas a CF de 1988 dá maior segurança,referindo a OBRIGATORIEDADE DO ESTADO para com o ensino fundamental , enquanto que as pessoas carentes que sonham com um curso superior sofrem fome, falta de material, falta de dinheiro para chegar à universidade, falta de condições para se atualizarem.
    É necessário mostrar ao universitário baixa renda que ele tem apoio do Estado, e que este país acredita na Educação. Esta lei é o Estado que parabeniza o universitário baixa renda por seus esforços pessoais, por que chegar à universidade, concorrendo com alunos da rede privada, é uma grande vitória. Agora é matéria de orgulho do Estado, manter lá,na UNIVERSIDADE DO POVO, todos os filhos do POVO.

    beijos carinhosos,

    Domitila